2º Simpósio Ranking ABES da Universalização do Saneamento

fevereiro 22, 2019 Off Por teresa Sardão
2º Simpósio Ranking ABES da Universalização do Saneamento

Evento gratuito – preencha o formulário abaixo para fazer a sua inscrição

A ABES promoverá, no dia 28 de março, das 9h às 12h, no auditório do CRQ (Conselho Regional de Química), em São Paulo, o II Simpósio Ranking ABES da Universalização do Saneamento. As inscrições são gratuitas (CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER).Veja a programação abaixo

O Simpósio reunirá especialistas da área de saneamento ambiental e saúde para discutir o Ranking (conheça o estudo aqui), que avalia a situação do saneamento em relação à universalização no Brasil por meio de indicadores de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto e coleta e destinação de resíduos sólidos. O estudo analisa as condições do saneamento em relação à universalização nas cidades brasileiras de grande, médio e pequeno portes e, em função da intrínseca relação entre saneamento e saúde, correlaciona os resultados às DRSAI – Doenças Relacionadas ao Saneamento Ambiental Inadequado de cada município. Durante o evento, os 29 municípios de grande porte e 2 de pequeno e médio portes do grupo “Rumo à universalização” serão reconhecidos pela ABES em uma cerimônia de premiação.

O Ranking

Compõem o estudo quase 2 mil municípios cujos dados foram fornecidos ao SNIS2 – Sistema Nacional de Informações de Saneamento, o que representa 34% dos municípios do Brasil e 67% da população do país. Os dados de saúde foram obtidos do DATASUS 3 do Ministério da Saúde.

O Ranking avalia a situação do saneamento em relação à universalização no Brasil por meio de indicadores de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto e coleta e destinação de resíduos sólidos. O estudo analisa as condições do saneamento em relação à universalização nas cidades brasileiras com mais de 100.000 habitantes e, em função da intrínseca relação entre saneamento e saúde, correlaciona os resultados às DRSAI – Doenças Relacionadas ao Saneamento Ambiental Inadequado de cada município.

Na edição de 2018, de acordo com seus indicadores, os municípios foram reunidos em quatro grupos:

– Rumo à universalização (pontuação acima de 489)

– Compromisso com a universalização (de 450 a 489)

– Empenho para a universalização (de 200 a 449,99)

– Primeiros passos para a universalização (abaixo de 200)

Programação:

8h30 às 9h – Recepção e café

9h – Abertura: Roberval Tavares de Souza (presidente nacional da ABES)

9h10 às 9h30 – Dante Ragazzi Pauli, coordenador da Câmara Temática da ABES de Comunicação no Saneamento – apresentação do Ranking ABES da Universalização do Saneamento – edição 2018

9h30 às 9h50 – Juliana Almeida Dutra (diretora de Projetos da Deep – Desenvolvimento e Envolvimento Estratégicos de Pessoas e Clientes e coordenadora adjunta da Câmara Temática da ABES de Prestação de Serviços e Relacionamento com Clientes) – apresentação do estudo “A qualidade do Saneamento Ambiental como fator de desenvolvimento social: saúde”

9h50 às 10h10 – Sérgio Valentim (diretor da Divisão de Meio Ambiente do Centro de Vigilância Sanitária do Estado de São Paulo)

10h10 às 12h – Premiação de municípios destaque do Ranking ABES da Universalização do Saneamento

Se deseja receber informações por whatsapp preencha aqui o número do seu celular